busin
Policia

Dona de casa morta quando pedalava. No ano, já são 52 mulheres assassinadas no Ceará


Ela acabou sendo morta a facadas quando fazia sua atividade física diária (Foto: Reprodução/CearáNews7)



Subiu para 52 o número de mulheres assassinadas, neste ano, no Ceará. A vítima mais recente da violência foi uma dona de casa, de 52 anos. Ela acabou sendo morta a facadas quando fazia sua atividade física diária. O crime ainda está envolto em mistério.

O caso ocorreu na localidade de Sítio Picada, zona rural do Município de Senador Sá, na Zona Norte do Estado (a 268Km de Fortaleza). Maria do Livramento Florêncio da Silva havia saído de casa, por volta de 6 horas, como fazia diariamente para se exercitar. Ela pedalava sua bicicleta por uma estrada vicinal que dá acesso ao Sítio Picada, e de lá desapareceu.

Hipóteses

Cerca de duas horas depois, os vizinhos iniciaram uma busca pela região e encontraram a vítima já morta ao lado da bicicleta. A princípio, a Polícia descartou a hipótese de um crime de latrocínio (roubo seguido de morte), já que nada foi roubado da vítima. A segunda possibilidade é de um caso passional ou mesmo um crime sexual.

O corpo da vítima foi encaminhado ao Núcleo da Perícia Forense do Ceará (Pefoce) da cidade de Sobral para a realização de exames periciais.
Com o assassinato de Maria do Livramento Florêncio subiu para 16 o número de mulheres mortas neste mês de abril no Ceará. No acumulado do ano já são 52 homicídios contra pessoas do sexo feminino, desde crianças e adolescentes a idosas.

CearáNews7

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário