busin
Mundo

Papa chega ao Egito para conferência com líderes muçulmanos



O papa Francisco chegou ao Cairo, capital do Egito, às 14h (horário local, 9h de Brasília) desta sexta-feira (28), onde participará da Conferência Internacional de Paz com líderes muçulmanos para defender a reconciliação entre as religiões.

A viagem acontece apenas 20 dias depois dos atentados contra os coptas no norte do país.
Segundo o G1, o compromisso principal da viagem do papa ao Egito, que deve durar apenas 27 horas, será uma conferência na Universidade Islâmica de Al Azhar, onde o pontífice vai enviar uma mensagem de aproximação entre as religiões, além da rejeição da violência.
Em Cairo, Francisco vai se reunir com o papa copta, Teodoro II, e com o presidente egípcio, Abdel Fattah el-Sisi. No sábado, o pontífice vai celebrar uma missa no Estádio do Exército e, na sequência, almoçar com bispos e clérigos egípcios antes de retornar a Roma.
As autoridades do país montaram um amplo esquema de segurança em torno da nunciatura vaticana no Cairo, situada no bairro de Zamalek, onde Francisco se hospedará esta noite. Desde a última terça-feira (25), os veículos não podem estacionar nas principais vias do bairro, por onde Francisco passará.
Francisco é o segundo papa a visitar o Egito. Em 2000, João Paulo II esteve no país para falar sobre "guerra de religiões", após atentados do Estado Islâmico contra cristãos e muçulmanos.
Noticias ao Minuto

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário