busin
Politíca

Para Lula, citar seu nome é 'senha' para fechar acordo de delação

"Se pudesse ressuscitar o Conde de Monte Cristo, ele viria aqui falar: foi o Lula o culpado", disse o ex-presidente em depoimento nesta quarta (10)


Em depoimento dado ao juiz federal Sergio Moro nesta quarta-feira (10), o ex-presidente Lula disse que seu nome é citado por candidatos a delator como condição para fechar acordo com o Ministério Público Federal.


"Aí, doutor, eu me desculpo com todo o respeito que eu tenho pelo seu trabalho. Esse último mês foi o mês Lula, em que a senha era Lula. Vamos chamar todo mundo. Se pudesse ressuscitar o Conde de Monte Cristo, ele viria aqui falar: foi o Lula o culpado", afirmou o ex-presidente.
De acordo com a Folha de S. Paulo, Lula fez referência direta os casos de Léo Pinheiro e Renato Duque, que citaram seu nome durante depoimento a Moro.
"Eu vi o depoimento do Leo. Eu conheço o Leo antes e conheço o Leo naquele depoimento. Depois um cidadão condenado a 23 anos de cadeia ser chamado para a coisa mais importante que ele tem pra falar é que o Lula sabia", disse.
"Depois de condenarem e execrarem a imagem de um pai de família que por mais errado que tenha merece respeito, como o Duque a 40 anos de cadeia e depois prometer para ele liberdade se a senha for falar: "o Lula sabia", declarou.
O juiz rebateu a afirmação perguntando quem havia prometido liberdade a Renato Duque. Moro também declarou que o ex-presidente estava baseando suas afirmações em dados publicados pela imprensa.
"Mas eu estou vendo. Como é que não prometeu. Eu estou vendo. Isso acontece, eu estou vendo", afirmou Lula.
Noticias ao Minuto

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário