busin
Politíca

Temer volta a defender reforma trabalhista em fala pelo Dia do Trabalhador


Em pronunciamento para o Dia do Trabalhador, presidente também diz que mudanças vão reduzir número de ações trabalhistas na Justiça. (Foto: Reprodução/YouTube)


O presidente Michel Temer afirmou, em pronunciamento gravado para o 1º de Maio, Dia do Trabalhador, que a criação de empregos ocorrerá de forma “muito mais rápida”, inclusive para os mais jovens, com a reforma trabalhista proposta pelo governo.

No vídeo, divulgado nas redes sociais, o presidente falou de “inúmeras vantagens” para o trabalhador: além de mais empregos, disse que todos os direitos trabalhistas serão assegurados, inclusive para os funcionários terceirizados.

“Além de mais empregos, o resultado será mais harmonia na relação de trabalho e, portanto, menos ações na Justiça”, afirmou. O presidente explicou será punida a empresa que pagar salários diferentes para homens e mulheres na mesma função.

O presidente ainda citou resultados já alcançados na economia, como queda da inflação, para dizer que a retomada do emprego ocorrerá “muito brevemente”.

“É com trabalho que vamos vencer nossas dificuldades. Os resultados já começam a aparecer”, finalizou o presidente, falando em "otimismo" e "harmonia".

Assista o vídeo abaixo:


Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário