busin
Brasil

Edir Macedo se posiciona a favor do casamento gay, critica pastores, e alega: “Jesus faria isso”


Muita gente se surpreendeu com as palavras do bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record (Foto: Reprodução)

Muita gente se surpreendeu com as palavras do bispo Edir Macedo, líder da Igreja Universal do Reino de Deus e dono da Record, durante a sua fala no programa "Palavra Amiga" há algum tempo. Aos 70 anos, ele disse que não tem nada contra pessoas homossexuais.

Ao contrário de pastores que travam uma grande disputa com a classe LGBT no cenário político, ele afirmou que "nem Deus faria isso". "No tempo de Jesus, já haviam homossexuais e que ele não disse nada e muito menos levantou uma bandeira contra o movimento", disparou.

Na ocasião, ele estaria se referindo, indiretamente, a pessoas como o deputado Marco Feliciano e o pastor Silas Malafaia, conforme aponta o Catraca Livre. "Nós da Igreja Universal do Reino de Deus, não impomos nada contra ninguém", completou ele em sua fala polêmica.

"Há muitos crentes, pastores e igrejas levantando uma bandeira contra o movimento gay, contra o casamento homossexual, contra lésbicas, etc, etc, etc. Eu me pergunto: Jesus faria isso se estivesse vivendo no nosso tempo? Eu não creio que ele faria, porque no tempo dele já havia homossexuais, lésbicas e etc", completou.

 

otvfoco.com

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário