busin
Cariri

Juazeiro do Norte registra uma das maiores incidências de Chikungunya no país


Juazeiro do Norte registra uma das maiores incidências de Chikungunya no país (Foto: ASCOM Juazeiro do Norte)

Juazeiro do Norte, principal cidade da região do Cariri, tem uma das maiores incidências de caso de Chikungunya no país. A cidade está em 5ª  lugar entre os municípios com população até 500 mil habitantes e na 12ª posição no ranking geral das 5.570 cidades brasileiras. 

De acordo com dados apurados pelo Site Miséria junto ao Ministério da Saúde, Juazeiro tem 79 casos da doença para cada grupo de 100 mil habitantes. Os índices foram coletados entre janeiro e agosto de 2017. A capital Fortaleza é onde houve maior registro de diagnóstico da Chikungunya, com 2.154 casos para cada 100 mil habitantes. 

POSIÇÃO DO CEARÁ

No Ceará, são 106.435 casos confirmados entre janeiro e agosto deste ano, este indicativo é consideravelmente maior em comparação com o mesmo período em 2016, quando 43.213 casos da doença foram registrados. A diferença é expressiva em relação a Minas Gerais, em segundo lugar, com 17.704 casos.

O Ceará é o estado com o maior número de casos de Chikungunya este ano, com 106.435 diagnósticos, diferença expressiva em relação a Minas Gerais, em segundo lugar, com 17.704 casos. No mesmo período do ano passado, o Ceará havia registrado apenas 43.213 pessoas infectadas com a doença.
O Ceará é o estado com o maior número de casos de Chikungunya este ano, com 106.435 diagnósticos (Foto: ASCOM Juazeiro do Norte)

AÇÕES DE COMBATE

Em julho deste ano, o Comitê Intersetorial de Combate ao Aedes Aegypti de Juazeiro do Norte iniciou um ciclo de reuniões quinzenal para acompanhar, monitorar e dar suporte as ações de combate e prevenção do mosquito, transmissor da dengue, Zika e Chikungunya. As discussões iniciais foram para escolha da mesa diretora, apreciação e aprovação da logomarca do Comitê, e discussão do regimento interno.

PREVENÇÃO

Seguindo a cartilha do Ministério da Saúde, a maneira de prevenir a Chikungunya é exatamente igual à prevenção da dengue. Recomenda-se evitar qualquer tipo de água parada. "Se a caixa d´água estiver destampada, ela pode virar um criadouro de mosquito, se a calha estiver entupida, quando chover a água vai ficar parada, também. Se tiver vasos de planta com prato com água, pode virar criadouro de mosquito. Então é muito importante que a cada família avalie a sua casa".


Por Felipe Azevedo/Agência Miséria
Miséria.com.br

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário