busin
Cariri

Cariri registra maiores chuvas do Estado; Juazeiro do Norte tem alagamentos



A região do Cariri registrou as maiores chuvas nas últimas 24 horas no Estado, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Abaiara, com 102 milímetros, teve a maior precipitação entre às 7h de ontem e às 7h desta quinta-feira (28). Em Juazeiro do Norte, onde também choveu, voltou a ter grandes alagamentos.
Depois de Abaiara, a maior chuva aconteceu em Crato, que registrou 75 milímetros no posto pluviométrico do bairro Lameiro e 59,8 milímetros na sede do município. Também houveram precipitações de destaque em Milagres (64,8 mm), Santana do Cariri (62,8 mm), Altaneira (59 mm) e Araripe (57,8 mm).
Em Juazeiro Norte, que choveu 56 milímetros, as ruas voltaram a alagar. No bairro Lagoa Seca, por exemplo, no trecho conhecido como Lagoa da APUC, formou-se uma lâmina de água com altura aproximada de um metro. Um pescador aproveitou a situação e resolveu passear de canoa em plena Avenida Plácido Aderaldo Castelo, chamando atenção de curiosos. A brincadeira foi feita em protesto.


A poucos metros dali, ontem a noite, dois rapazes que trafegavam de moto caíram com a força da água na Avenida Leão Sampaio (CE-060), que liga a terra do Padre Cícero ao município de Barbalha. A correnteza ainda arrastou o veículo por alguns metros, mas conseguiu ser recuperado. A dupla voltava de uma aula quando foram pegos de surpresa pela chuva que começou por volta das 21 horas.
Além disso, a chuva que caiu em Juazeiro do Norte fez o asfalto ceder na Avenida Padre Cícero, em frente ao Teatro Marquise Branca, gerando um buraco. Em nota, a Secretaria de Infraestrutura pediu para que os condutores de veículos evitem passar pelo local, procurando trechos alternativos. Neste momento, equipes técnicas estão realizando serviços com máquinas pesadas. O trânsito irá fluir apenas por uma faixa da via.
A Funceme prevê para esta quinta-feira e para os próximos dois dias céu nublado com eventos de chuva em todas as regiões do Estado.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário