busin
Tecnologia e Games

Chromecast 3 é bom? Veja prós e contras do dongle do Google



Chromecast 3 é a geração mais recente do dongle do Google. O dispositivo, lançado no Brasil em fevereiro deste ano, permite transmitir conteúdos do smartphone ou tablet para a televisão, transformando qualquer TV em smart. O modelo trouxe poucas novidades em relação à geração anterior, mas manteve as características mais atrativas, como o tamanho compacto e o preço baixo, de R$ 349.
Com concorrentes como o Amazon Fire TV Stick e o Roku, o usuário pode ter dúvidas se o Chromecast 3 ainda é uma boa opção. Pensando nisso, o TechTudo preparou uma lista com os prós e contras do dispositivo.

Ficha técnica do Chromecast 3

  • Dimensões: 5,5 cm x 5,2 cm
  • Resolução: Full HD (até 1080p a 60 fps)
  • Rede sem fio: Wi-fi 802.11 ac (2,4GHz / 5 GHz)
  • Fonte de alimentação: 5V e 1A
  • Portas e conectores: HDMI e microUSB
  • Sistemas operacionais compatíveis: Android, iOS, Windows e macOS

PONTOS POSITIVOS

Processamento e qualidade de imagem

O Chromecast 3 conta com um CPU ligeiramente melhor do que seu antecessor. Por conta disso, o aparelho responde até 15% mais rápido e suporta uma qualidade de imagem superior: sua resolução máxima é de 1080p (Full HD) a 60 frames por segundo contra 1080p a 30 fps do Chromecast 2. Embora a diferença não seja muito grande, o dispositivo deve oferecer imagens mais fluidas, sobretudo em streaming de games.
Outro diferencial da terceira geração é o suporte nativo à Google Assistente, para quem prefere controlar o dispositivo por comandos de voz. Assim, caso o usuário possua o Google Home ou um celular Android, pode ativar a assistente de voz para transmitir as imagens na TV.
Chromecast 3 é 15% mais rápido e resolução máxima de 1080p a 60 fps — Foto: Luciana Maline/TechTudoChromecast 3 é 15% mais rápido e resolução máxima de 1080p a 60 fps — Foto: Luciana Maline/TechTudo
Chromecast 3 é 15% mais rápido e resolução máxima de 1080p a 60 fps — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Variedade de aplicativos

O dongle HDMI do Google tem hoje uma variedade imensa de aplicativos disponíveis para baixar. Serviços como NetflixYouTubeSpotifyHBO GOCrunchyroll, entre outros, podem ser visualizados na tela grande usando o Chromecast. O Amazon Prime Video foi o app mais recente a ganhar suporte ao Chromecast.
Além disso, o dispositivo tem integração nativa com os apps da Gigante de Buscas, como Google FotosGoogle Play Music Google Play Filmes. Para usar qualquer um desses aplicativos, basta instalar no smartphone e clicar no ícone para transmitir.
Chromecast 3 pode ser encontrado por a partir de R$ 250 — Foto: Luciana Maline/TechTudoChromecast 3 pode ser encontrado por a partir de R$ 250 — Foto: Luciana Maline/TechTudo
Chromecast 3 pode ser encontrado por a partir de R$ 250 — Foto: Luciana Maline/TechTudo

Preço e disponibilidade

Uma das principais vantagens do Chromecast sobre seus concorrentes, como Amazon Fire TV Stick e Roku, é o custo-benefício. Apesar de seu preço sugerido ser de R$ 349, o dispositivo já pode ser encontrado no varejo por cerca de R$ 250 — contra R$ 300 de seus principais concorrentes. Se o usuário optar por comprar nos Estados Unidos, o preço é ainda menor: US$ 35 (cerca de R$ 140, em conversão direta). Outro ponto positivo é a disponibilidade. Como o Chromecast 3 é vendido oficialmente no Brasil, é possível encontrá-lo em várias lojas, sem precisar apelar para a importação.

PONTOS NEGATIVOS

Não reproduz em 4K

Quem quer assistir conteúdos em formato Ultra HD não pode contar com o Chromecast 3. Como já dito, o dispositivo tem resolução máxima de 1080p (Full HD). Isso significa que ainda é possível usá-lo em uma televisão 4K, mas o aparelho vai reproduzir imagens em resolução menor e sem efeitos HDR.
Nesse caso, o recomendado é adquirir o Chromecast Ultra, que ,além de ter suporte a conteúdos em 4K, é o único modelo a vir de fábrica com entrada Ethernet. Seus principais concorrentes são o Amazon Fire Stick 4K, o Apple TV 4K e o Roku Premiere.

Não tem controle remoto

O diferencial do Chromecast é justamente a facilidade de transmitir um conteúdo do celular para a televisão. Em alguns casos, porém, isso pode não ser conveniente, como quando a bateria do smartphone está baixa. Seus principais concorrentes, como o Amazon Fire Stick e o Roku, vêm com controle remoto na caixa, além de um aplicativo próprio para dispositivos mobile. O acessório tende a facilitar bastante o uso e pode fazer falta no dongle do Google. Apesar disso, graças ao modo HDMI-CEC, há a possibilidade de usar o Chromecast com o controle da TV, mas suas opções são limitadas.

Traz poucas inovações

Se você tem um Chromecast 2 e está pensando em comprar o Chromecast 3, fica o alerta: não há diferenças significativas entre os dois modelos. Como dito antes, a geração mais atual conta apenas com uma maior taxa de frames a 1080p e suporte nativo à Google Assistente. De resto, ambos os modelos são semelhantes: têm conexão Wi-Fi dual-band (2,4 GHz e 5 GHz), alimentação via cabo microUSB e design em formato de disco.
Nesse caso, o mais indicado seria pagar um pouco mais e fazer um upgrade para o Chromecast Ultra (que não está disponível oficialmente no Brasil) ou outros dispositivos com suporte 4K e HDR.

Fonte: G1

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário