busin
Cariri

‘Enem não tira férias’ mobiliza estudantes do Cariri neste mês de julho



Ficar em casa descansando ou viajar para passear neste período de férias? Não foi o que escolheram 280 alunos de Crato, que voltaram para a Escola Maria Violeta Arraes de Alencar Gervaiseau, nesta terça-feira (03), com o intuito de estudar e se preparar melhor para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que acontece no mês de novembro. Este é o projeto Enem não tira férias, que chega a sua quarta edição, em 2019.
Criado pela Secretaria de Educação do Estado do Ceará (Seduc), o ‘Enem não tira férias’ promove seis dias de aulas, de terça a quinta-feira, nas escolas da rede estadual, com quatro áreas de conhecimento e práticas de redação. A ação faz parte do projeto Enem Chego Junto, Chego Bem, da própria pasta, que mobiliza, motiva e prepara os alunos do 3º ano para as provas.
Na Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação 18 (CREDE-18), que integra 12 municípios do Cariri, cinco começaram suas aulas ontem: Altaneira, Araripe, Campos Sales, Crato e Nova Olinda. Os demais, acontecem na segunda quinzena de julho. Os horários são das 7h30 as 11h.
A coordenadora da CREDE 18, Luciana Maria Brito Rodrigues, explica que as aulas são possíveis através do trabalho voluntário de professores da rede estadual e também de escolas privadas. “Esta é uma das nossas melhores ações. Ela veio para fortalecer nosso trabalho com alunos do terceiro ano”, justifica.
Como um reforço, Luciana acredita que, apesar das férias, o projeto dá o recado ao estudantes que, para ser aprovado nas seleções, é preciso estudar mais um pouco. “Também integra nossas escolas. São alunos de várias escolas juntos”, completa.
Para o estudante Natanael Alexandre, de 18 anos, que pretende cursar Direito, o projeto mostra a importância do Enem. “Ajuda a buscar sua perspectiva de futuro, como precisa atingir as metas. Tem conteúdos muito importantes que caem no Enem”, descreve.
“O Ceará tem muitas notas elevadas no Enem e não é por acaso”, sintetiza o estudante David Washigton, acrescentando que os alunos também já tem reforço nos sábados. “Eu, que quero cursar Sistemas da Informação, só consigo através do Enem. Isso torna o projeto muito importante”, finaliza.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário