busin
Ciências e Saúde

Rotina de alimentação natural pode ser a saída para uma vida mais saudável



A dieta "plant based" consiste no consumo de alimentos naturais, como vegetais e legumesFOTO: DIVULGAÇÃO
Praticar atividades físicas, mudar hábitos alimentares são algumas tentativas para se conquistar uma vida mais saudável. Foi nessa onda que surgiu a tendência do 'plant based diet'. O conceito consiste numa dieta composta por alimentos em sua forma mais simples possível, não refinada e nem processada, como explica o nutricionista Rubb Santana.
Bastante recomendada por ser natural, essa prática promove diversos benefícios para a saúde, como a redução do risco de doenças crônicas, cardiovasculares e até alguns tipos de câncer. "Isso se deve ao fato de esse padrão alimentar ser rico em antioxidantes e fibras", explica a nutricionista Carolina Araripe.
Adeptas de um estilo de vida agitado, as amigas Cibele Figueiredo, administradora, e Camila Macedo, engenheira ambiental, resolveram, juntas, mudar hábitos alimentares. Foi quando perceberam uma melhoria geral na saúde, tanto física quanto mental. "Sempre que comia algo mais pesado, não muito natural, eu sentia um certo desconforto, então busquei uma alimentação mais limpa e isso virou um estilo de vida", conta Cibele.

PARTILHA E INCENTIVO

Com essas mudanças positivas, elas perceberam que poderiam influenciar mais pessoas a fazer o mesmo. E foi no Instagram que viram a saída para essa partilha de ideias. No perfil do Naturaliza, elas compartilham a rotina, dicas de como obter uma vida mais saudável, receitas e muito mais.
Outra ação de incentivo são as vivências, nas quais reúnem grupos de até 15 pessoas para degustação, bate-papo sobre alimentação saudável e oficina para ensinar receitas. Expandindo a experiência, Cibele e Camila organizam também um dia no Sítio do Vale da Biodiversidade, localizado no município de Mulungu, no Maciço de Baturité. Na programação tem trilha, banho no lago, oficinas, dicas sobre alimentação orgânica e aula de ioga.

Nas vivências, os participantes aprendem a cozinhar os pratos que são servidos. Na foto, oficina de confeitaria veganaFOTO: DIVULGAÇÃO
"Reunimos um grupo de 40 pessoas para um dia de contato direto com a natureza, de compartilhamento da vida saudável, de fortalecimento e de autoconhecimento", diz.

RECOMENDAÇÕES

Entre os benefícios, Cibele aponta o aumento da disposição, o fortalecimento do sistema imunológico e a redução da retenção de líquido. "Depois que mudei meu estilo de vida, nunca mais apareceu acne nem tive crises de azia", revela a administradora.

Camila Macedo e Cibele Figueiredo incentivam a mudança de hábitosFOTO: FABIANNE DE PAULA
De acordo com o nutricionista Rubb Santana, o 'plant based diet' pode ser adotado por qualquer pessoa. No entanto, faz um alerta: "é preciso o acompanhamento de um profissional para que ele possa adequar a alimentação às suas necessidades reais, de maneira que não falte nenhum tipo de nutriente".
Rubb explica que os alimentos recomendados nessa dieta são frutas, vegetais em geral, tubérculos, leguminosas, alguns cereais integrais, oleaginosas, sementes e cogumelos.
Uma dica é aderir gradualmente, tentando fazer escolhas mais conscientes. "A pessoa tem que buscar identificar o que mais distancia ela dessa alimentação saudável para tentar mudar. Quer comer hambúrguer, por exemplo? Busque um local que tenha ingredientes mais naturais ou artesanais", aconselha Cibele.
Para ela, os pequenos passos são essenciais para alcançar o objetivo e pode começar pelas compras no mercado, evitando levar alimentos processados e grandes quantidades de embalagens. Tirar um tempinho do fim de semana para preparar e cozinhar as refeições da semana também pode ajudar àqueles que têm uma rotina corrida.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário