busin
Cariri

Obra de recuperação da Encosta do Seminário, em Crato, será iniciada



O prefeito Zé Ailton e o superintendente de Obras Públicas, Quintino Vieira, visitaram o local que desmoronou o início do ano. (Foto: Divulgação/Prefeitura de Crato)
Após desmoronar por causa das chuvas e destruir parte de uma casa, no último dia 4 de abril, a Encosta do Seminário, em Crato, finalmente, será restaurada. A ordem de serviço foi publicada hoje (25), mas a obra só será iniciada na próxima segunda-feira (28). O previsão é que seja concluída em cinco a seis meses. Ao todo, serão investidos R$ 3,2 milhões.
Ontem (24), o prefeito de Crato, Zé Ailton Brasil, recebeu o superintendente de Obras Públicas do Governo do Estado, Quintino Vieira. Na ocasião, os dois visitaram a área que será reconstruída acompanhados de técnicos da obra. “Será iniciada a limpeza da obra para dar início a contenção”, explicou Quintino.
A visita foi acompanhada pela equipe da Defesa Civil, que estará empenhada, acompanhando o trabalho da empresa, e dando todo suporte às famílias que precisem sair da área.
Relembre
Uma chuva de 130 milímetros, causou o desmoronamento do barranco, que derrubou a parede de uma casa, mas ninguém ficou ferido. A Defesa Civil retirou as pessoas próximas daquela área. Uma escadaria, que liga os bairros Centro e Seminário, também foi parcialmente destruída. Além disso, houve a queda da fiação elétrica e a rede de energia foi desligada.
A Prefeitura já havia diagnosticado o risco de desabamento na semana anterior e estava trabalhando para solucionar o problema. “Estava do mesmo jeito ontem à noite. Isso aqui me surpreendeu, porque, quando retornei, estava um cenário de desastre parecido com o de 2011. Na chuva anterior, não tinha muito risco, mas agora sim”, disse, na época, o secretário de Infraestrutura do Crato, José Muniz
A obra de urbanização do bairro foi entregue em 2015 e ainda estava  dentro da garantia da empresa. Por isso, os reparos serão feitos sem custos para o Estado.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário