busin
Esportes

Clima tenso nos bastidores do Barbalha Futebol Clube

Barbalha confirma mais três reforços de olho em 2020

Único representante caririense na Série A do Campeonato Cearense, o Barbalha Futebol Clube vive um clima pesado nos bastidores da equipe. O presidente do clube, Geisilúcio Gonçalves, também conhecido como Lúcio Barão, faz acusações de que algumas pessoas estão tentando tirá-lo da presidência do time. Ele acusa Jorge Luiz Fernandes Távora, ex-presidente do conselho deliberativo, Roberto Roma, vice-presidente da executiva, e Gilson Alves Feitosa, ex-presidente da executiva, de estarem a frente de um movimento para derrubar a atual executiva.

Lúcio Barão diz já ter feito um boletim de ocorrência e que denunciou ao Ministério Público várias irregularidades. O mandatário da Raposa Caririense afirma que o dinheiro da Copa do Brasil, em 2014, não teria passado pela conta do clube e que teriam utilizado documentos fraudulentos para tentar tirar o atual presidente. Lúcio também destaca que em breve irá fazer outras revelações e disparou: “Eu vou defender o Barbalha com unhas e dentes. Eu me sinto no dever de proteger esse clube, porque o pensamento desse pessoal aí é só surrupiar o clube”, disse.
Nossa reportagem procurou ouvir as partes citadas sobre as afirmações do presidente do Barbalha, Lúcio Barão. Gilson Alves Feitosa lamentou as acusações e disse que não iria comentar. Mas, falou que está tranquilo e que o tempo dirá quem tem a razão.
Já Jorge Luiz Fernandes Távora afirmou está surpreso com as afirmações do mandatário da Raposa. “Estou muito surpreso com o que ele(Lúcio Barão) anda dizendo por aí. Até pouco tempo ele andava mandando recado querendo conversar comigo e agora faz essas acusações”, disse. Jorge Luiz afirmou que tem mais de 20 anos de trabalho no futebol profissional em vários estados e nunca ninguém o processou por conduta errada, e questiona, porque só agora aparece tais acusações. “São mais de duas décadas no futebol profissional no Ceará, na Paraíba e em Pernambuco. Ninguém jamais me processou por ter sido desonesto. Pelo contrário, quando pude ajudar assim o fiz. Até mesmo com o próprio atual presidente do Barbalha. Estranho, depois de tanto tempo aparecer tais acusações. Posso ter muitos defeitos, mas desonesto eu não sou”, frisou.
Quanto ao dinheiro da Copa do Brasil de 2014, Jorge Luiz disse que todo o dinheiro foi usado na equipe. “Na época o time recebeu cerca de 140 mil Reais. Desse total, trinta mil foi de premiação que cheguei a pegar emprestado a um banco antes, para poder cumprir com o elenco. Foram feitos investimentos, contratações, aumentamos salários, pois vários jogadores se valorizaram. Inclusive, quase conseguimos o acesso para a Série A do Cearense. Faltou apenas 1 ponto. Estou bem tranquilo quanto a tudo isso. Se há alguém errado, pode ter certeza, esse alguém, não sou eu”, concluiu.
Não encontramos Roberto Roma para comentar as acusações.
Em tempo
Existe uma briga judicial sobre qual o verdadeiro conselho deliberativo do Barbalha Futebol Clube. Antes o conselho, também chamado de Núcleo Duro, era presidido por Jorge Luiz. Alegando que o conselho estava com prazo de renovação vencido, o presidente do Barbalha, Lúcio Barão, presidiu uma assembleia de eleição, onde um novo conselho foi eleito. Na ocasião Nacélio Santos foi conduzido a presidência do conselho. Lúcio Barão questiona a credibilidade do conselho Núcleo Duro e diz que a eleição realizada foi fraudulenta.
Jorge Luiz também falou sobre esse impasse. “Engraçado, agora o nosso conselho não serve, mas quando foi para eleger o atual presidente tinha credibilidade? Muito estranho isso”, disse. E continuou: “Ele forma um conselho onde o presidente era funcionário dele no Barbalha, nem conselheiro era e vem questionar nosso conselho. Tem muita coisa estranha aí. O torcedor do Barbalha conhece Jorge Luiz com defeitos e virtudes, será que conhece mesmo o atual presidente do Barbalha?”, questionou.
Enquanto o impasse prossegue nos bastidores, a diretoria do Barbalha anuncia a contratação de jogadores. O presidente do clube, Lúcio Barão promete um time forte para as disputas do Campeonato Cearense e da Copa do Brasil.
fonte: portal badalo

Fagner Soares

0 comentários:

Postar um comentário