busin
Tecnologia e Games

CS:GO recebe atualização com skins novas que custam mais de R$ 7 mil



Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO) recebeu uma atualização na última segunda-feira (18) que introduziu a Operação Shattered Web, novos personagens desbloqueáveis, estatísticas pós-jogo, missões e quatro caixas de skins. Por conta da novidade e da raridade dos itens cosméticos, os visuais inéditos estão sendo vendidos pelos jogadores por preços que ultrapassam os R$ 7 mil.
Até o momento, a arma mais cara é a AK-47 Wild Lotus, que está sendo comercializada por US$ 1,7 mil (cerca de R$ 7,2 mil). Outros destaques são a AWP Gungnir, custando US$ 1,3 mil (R$ 5,6 mil), a AWP Containment Breach, custando US$ 1 mil (R$ 4,2 mil) e a AWP The Prince, que custa US$ 670 (R$ 2,8 mil). Confira, a seguir, as novidades da atualização.
A skin Wild Lotus da AK-47 está sendo comercializada por mais de R$ 7 mil — Foto: Divulgação/ValveA skin Wild Lotus da AK-47 está sendo comercializada por mais de R$ 7 mil — Foto: Divulgação/Valve
A skin Wild Lotus da AK-47 está sendo comercializada por mais de R$ 7 mil — Foto: Divulgação/Valve

Novos personagens

Pela primeira vez em CS:GO, os jogadores poderão desbloquear e equipar personagens do lado terrorista e CT, para utilizá-los em qualquer mapa. Os personagens são desbloqueáveis com Stars (uma das moeda do jogo), que é obtida por meio do Operation Pass. Destaque para primeira personagem feminina jogável, a Agente Especial Ava, do FBI, que integra a lista de 22 novos personagens.

Sistema de Indicações

De forma similar à Overwatch e League of Legends (LoL), CS:GO passará a contar com um sistema de Indicações. Desta forma, ao final de cada partida os jogadores receberão recompensas por tarefas cumpridas durante a partida. Estas podem ser abates, MVPs, assistências, até mesmo matar galinhas.

Novas skins, grafites e adesivos

A Operation Shattered Web traz quatro novas caixas, que introduzem mais de 60 skins novas ao jogo. A caixa Shattered Web Knives tem como destaque quatro novas skins de facas: Paracord, Survival, Nomad e Skeleton. O design da coleção The Norse é feito pelo "The Honey Badger", o design da coleção The St. Marc pelo "Chemical Alia", e o design da coleção The Canals é feito pelo "Teo~".
A atualização também traz ainda nove grafites, e seis novos adesivos criados pelo artista da comunidade "daniDem". Estes adesivos só estarão disponíveis durante a operação.
CS:GO recebeu um Passe de Batalha, parecido com o de Fortnite — Foto: Divulgação/Counter-StrikeCS:GO recebeu um Passe de Batalha, parecido com o de Fortnite — Foto: Divulgação/Counter-Strike
CS:GO recebeu um Passe de Batalha, parecido com o de Fortnite — Foto: Divulgação/Counter-Strike

Missões e Operation Pass

Os jogadores receberão semanalmente um conjunto de seis missões, que ao serem completadas renderão Estrelas (Stars). Estas estrelas são utilizadas, por exemplo para desbloquear os novos personagens. As missões podem ser completadas jogando os modos Casual, Competitivo, Danger Zone, Guardian e mais. Todos os jogadores poderão fazer as missões, mas apenas os que comprarem o Operation Pass poderão resgatar as recompensas.

Mudanças no competitivo

O rifle SSG do lado T recebeu um nerf, e agora passa a custar, dentro do jogo, US$ 3 mil em vez de US$ 2,7 mil. Com isso, o Krieg será US$ 300 mais caro que a AK-47, opção tradicional de rifle do lato dos terroristas. A FAMAS e Galil também tiveram o preço reduzido, para US$ 2,5 mil e 1,8 mil, respectivamente. Entretanto, as duas armas receberam um buff que as tornaram mais precisas.

Fonte: G1

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário