busin
Tecnologia e Games

Galaxy Z Flip: tela dobrável decepciona em teste de durabilidade


Foto: Thássius Veloso/TechTudo
O novo celular dobrável Galaxy Z Flip não teve bons resultados no dramático teste de durabilidade feito por um canal do YouTube. O apresentador Zack Nelson, do canal Jerry Rig Everything, chegou a questionar se de fato o smartphone Samsung recém-lançado conta com tela flexível feita de vidro, apontada como uma das características mais importantes. O lançamento do Z Flip está confirmado em março no Brasil pelo preço de R$ 8.999. Na Coreia do Sul, o primeiro dia de vendas foi bem-sucedido. Todas as unidades acabaram em menos de oito horas.
Simples contato com unha deixou arranhões no Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/YouTube/Canal Jerry Rig EverythingSimples contato com unha deixou arranhões no Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/YouTube/Canal Jerry Rig Everything
Simples contato com unha deixou arranhões no Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/YouTube/Canal Jerry Rig Everything
Canal também recorreu a ferramentas mais abrasivas para testar Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/Canal Jerry Rig EverythingCanal também recorreu a ferramentas mais abrasivas para testar Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/Canal Jerry Rig Everything
Canal também recorreu a ferramentas mais abrasivas para testar Galaxy Z Flip — Foto: Reprodução/Canal Jerry Rig Everything
A polêmica atual tem a ver com o material utilizado na construção do telefone. Modelos anteriores, entre eles o Motorola Razr, utilizavam tela de plástico. Houve críticas de que o simples contato mais forte com as unhas poderia marcar o display dos aparelhos, situação delicada tendo em vista que usuários passam o dia manuseando o equipamento.
Analistas celebraram a adoção da tela de vidro no Galaxy Z Flip, apresentado globalmente na semana passada, num evento nos Estados Unidos. O vidro é mais resistente a arranhões e marcas de uso – tanto que a famosa proteção Gorilla Glass é aplicada sobre o vidro presente em smartphones convencionais. A Samsung foi categórica ao reafirmar a presença do componente, entre outros aspectos premium da ficha técnica.
Em resposta ao site americano The Verge, a fabricante explicou que por cima do vidro há uma camada de proteção “similar à do Galaxy Fold”. A marca faz referência ao outro smartphone dobrável, já à venda no Brasil por R$ 12.999, e cujo display flexível é feito de plástico.
A Samsung oferece uma troca grátis da camada protetora a consumidores dos Estados Unidos. Já a substituição da tela tem preço promocional de US$ 119, equivalente a R$ 515. Consumidores devem optar por um dos benefícios. Realizado o procedimento, o mais provável é que a gigante sul-coreana passe a cobrar preços mais elevados por novos procedimentos na assistência técnica.
A Samsung Brasil foi procurada para esclarecer como será o atendimento a consumidores em território nacional, mas não se manifestou até agora.
Página oficial do Galaxy Z Flip reafirma uso de vidro, mas não menciona camada protetora — Foto: Reprodução/SamsungPágina oficial do Galaxy Z Flip reafirma uso de vidro, mas não menciona camada protetora — Foto: Reprodução/Samsung
Página oficial do Galaxy Z Flip reafirma uso de vidro, mas não menciona camada protetora — Foto: Reprodução/Samsung
Com informações do Jerry Rig Everything e The Verge

Fonte: G1

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário