busin
Cariri

Unidos do Morro é tricampeã do Carnaval de Barbalha


A escola de samba homenageou o músico Fábio CarneirinhoFotos: Antonio Rodrigues
Com uma vantagem apertada, de apenas três décimos, a Unidos do Morro, agremiação mais antiga de Barbalha, se sagrou tricampeã do Carnaval do Município. A escola de samba, que homenageou o músico Fábio Carneirinho, ficou à frente da Águia de Ouro, Mocidade Independente e Barbasamba, respectivamente. A apuração aconteceu na tarde desta quarta-feira (26).  
Representante do bairro do Rosário, a Unidos do Morro somou 89,8 pontos nos nove quesitos, perdendo décimos apenas em Bateria e Samba-Enredo. Já a segunda colocada, a Águia de Ouro, do bairro Alto da Alegria, totalizou 89,5 pontos, enquanto a Mocidade Independente dos Bairros Unidos, da Vila Santo Antônio e Bela Vista, ficou com 88,6 pontos. Em último lugar, a Barbasamba, que retornou aos desfiles após 18 anos, conquistou 70,5 pontos — não somou nenhum ponto em alegorias, pois o carro apresentou problemas técnicos e não desfilou.  
A escola ficou à frente da Águia de Ouro, Mocidade Independente e Barbasamba, respectivamente.
Agora, a Unidos do Morro soma oito títulos, o terceiro consecutivo e o quinto desde que o carnaval passou a ser organizado pela Liga Independente das Escolas de Samba de Barbalha (Liesba). A Barbasamba é a segunda maior campeã, com quatro títulos, seguida pela Águia de Ouro (três) e a Mocidade (um).  
A verde e branco foi a última a entrar no Parque da Cidade, já na madrugada desta quarta-feira, e animou o público com o samba-enredo “Pra chegar até aqui”, que homenageou o cantor, compositor e músico Fábio Carneirinho. Fundada em 1963, a agremiação levou cerca de 250 componentes na avenida e apostou em elementos que lembram o forró e a trajetória do artista, que já realizou turnês internacionais.  
Acompanhado da esposa e do filho no último carro alegórico, e também com seus pais assistindo ao desfile, Carneirinho se emocionou com o desfile. “Não tenho palavras. Ser homenageado com uma festa dessa. Todos sabem que todos da Unidos veste, de fato, a camisa. Estão todos de parabéns. Só quem vive é quem pode dizer”, afirmou. 
O presidente da Unidos do Morro, Nilo Júnior, comemorou a vitória: “Mais uma vez, a sensação de dever cumprido por tudo que passamos nos últimos sete meses e foi tudo perfeito”, vibrou. Para ele, cada carnaval barbalhense é como se fosse a primeira vez. “A gente esquece tudo que passou quando entra no barracão e toma o rumo do carnaval”, completou. 

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário