busin
Ceará

BNB e OCB assinam acordo para financiar cooperativas do Nordeste


As cooperativas de produção cujas propostas estejam localizadas nos territórios do Plano AgroNordeste também serão priorizadas.
O Banco do Nordeste e a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) assinaram nesta segunda-feira (9) acordo de cooperação técnica para expandir e qualificar o atendimento a empreendimentos cooperativos e a produtores rurais cooperados a partir de ações integradas.
O acordo estabelece apoio financeiro às cooperativas de produção agropecuária localizadas na área de atuação do BNB e que desenvolvem atividades produtivas ligadas aos setores rural, industrial, agroindustrial e artesanal. 
As cooperativas de produção cujas propostas estejam localizadas nos territórios do Plano AgroNordeste também serão priorizadas.
De acordo com a modalidade de financiamento, os limites variam de 70% a 100%, com taxa de juros que pode ser pré-fixada, variando de 4,97% ao ano até 5,65% a.a., para pequenos e miniprodutores, ou pós-fixada. Os prazos vão de 240 dias até 15 anos, e a carência, de 6 meses a cinco anos.
Linhas de financiamento
Seis linhas de financiamento estão inseridas no acordo, todas com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste FNE. São elas: Programa de Apoio ao Desenvolvimento Rural do Nordeste (FNE Rural), Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Aquicultura e Pesca (FNE Aquipesca), Programa de Financiamento à Inovação (FNE Inovação), FNE Sol, Programa de Financiamento à Agropecuária Irrigada (FNE Irrigação), Créditos de Custeio e Créditos para Comercialização.
Nas modalidades FNE Rural, FNE Aquipesca, FNE Inovação, são financiáveis todos os bens e serviços necessários à viabilização dos projetos. No âmbito do FNE Irrigação, são financiáveis  bens de serviços necessários à viabilização dos projetos de irrigação e drenagem. Já no caso do FNE Sol, o acordo prevê financiamento de aquisição de sistemas para micro e minigeração distribuída de energia por fontes renováveis, para consumo próprio do empreendimento ou destinados à locação.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário