busin
Esportes

Copa Libertadores reúne sete clubes brasileiros na fase de grupos


A fase de grupos da Copa Libertadores começa hoje. A competição, que tem o Flamengo como o atual campeão e classifica para o Mundial de Clubes (competição que será disputada pela última vez no atual formato, com sete equipes - a partir de 2021, terá 24 times e será realizada a cada quatro anos), começa com sete clubes brasileiros na disputa. Todos estão em busca da glória sul-americana, mas também do prêmio milionário que a Conmebol dá ao time que levantar o troféu: US$ 15 milhões (R$ 63,7 milhões). Mas, somadas todas as fases, o time campeão receberá US$ 22,5 milhões (R$ 100,7 milhões).
Fora isso, quem for finalista do torneio terá a vantagem de embolsar parte da renda com a bilheteria da partida decisiva. Cada time receberá 25% do total arrecadado com a venda de ingressos.
O Flamengo, comandado pelo português Jorge Jesus, começa como favorito ao bicampeonato. Com uma forte base da última temporada, o time já começou 2020 sendo campeão da Supercopa e da Recopa Sul-Americana, batendo Athletico/PR e Independiente Del Valle, respectivamente. Amanhã, a equipe joga contra o Junior Barranquilla, na Colômbia, a partir das 21h30.
Outros brasileiros
O Santos inicia a trajetória brasileira na fase de grupos hoje, às 19h15, contra o Defensa y Justicia. Na Argentina, a equipe de Jesualdo Ferreira encontrará um treinador bastante conhecido pelo que fez como centroavante: Hernán Crespo, de 44 anos.
O Santos vem de dois empates e uma derrota no Campeonato Paulista 2020, resultados que geraram críticas ao experiente treinador português, de 73 anos.
O Inter também estreia na fase de grupos hoje, às 19h15, mas em casa. No Beira-Rio, o time recebe a Universidad Católica. Os gaúchos passaram por Universidad de Chile e Tolima, da Colômbia, nas fases preliminares.
Mais tarde, às 21h30, pela mesma chave, o Grêmio inicia sua trajetória com a bagagem de ter sido semifinalista em 2019 e 2018 e campeão em 2017. A equipe aposta nessa experiência para começar a Libertadores com um bom resultado na Colômbia, diante do América de Cali.
Também às 21h30, o Athletico/PR recebe o Peñarol, na Arena da Baixada. Será mais um encontro com um ex-jogador que está estreando como técnico: Diego Forlán, de 40 anos, assumiu a equipe uruguaia após ter se aposentado.
Outro brasileiro que vai à Argentina é o Palmeiras. A equipe de Vanderlei Luxemburgo tem compromisso diante do Tigre amanhã. Com bons retrospectos no Paulistão, o time carrega para a competição a expectativa de ter feito a melhor campanha na fase de grupos nas duas últimas edições.
O São Paulo volta a disputar a fase de grupos após ter caído na etapa preliminar em 2019. A estreia é na quinta-feira (5), às 21 horas, contra o Binacional, no Peru. A diretoria manteve o técnico Fernando Diniz, a base do elenco permaneceu e Daniel Alves vai para a sua 1ª Libertadores.

Fonte: DN

radioprogresso

0 comentários:

Postar um comentário